13 de Julho de 2024

CIDADES Terça-feira, 06 de Setembro de 2022, 14:14 - A | A

IMPLEMENTAÇÃO

Anatel confirma que Cuiabá deve receber a internet 5G apenas no final de outubro

REDAÇÃO - HiperNoticias

antena internet

 

A implementação da internet 5G começou em Brasília, no Distrito Federal, em julho deste ano, e não parou mais. Várias capitais, como São Paulo, Rio de Janeiro e João Pessoa, também tiveram o sinal ligado e começaram a conhecer essa nova tecnologia. Entretanto, aqui em Cuiabá o tempo de espera será maior. Segundo informações da própria Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a conexão só deve ser ativada por aqui no dia 28 de outubro, seguindo o fluxo que o órgão determinou em todo o Brasil.

Essa nova tecnologia tem muito potencial no Mato Grosso, seja para as empresas ou então para as pessoas. Os empresários, por exemplo, estão ansiosos pelo impacto da 5G na agropecuária. A promessa é que a internet móvel mais veloz vai garantir uma conexão maior, fazendo com que o setor rural tenha um crescimento ainda maior até o final do ano, e também em 2023. Por ser algo gradual, a expectativa é que isso demore a acontecer.

No comunicado oficial da Anatel, além da data oferecida para Cuiabá, também foi conhecida as duas próximas cidades que vão receber a 5G por aqui: Várzea Grande e Rondonópolis. Entretanto, o sinal só deve chegar nelas em janeiro do próximo ano, simultaneamente com outras cidades do Brasil. O plano é aumentar a cobertura de forma gradual, permitindo que toda infraestrutura seja bem organizada. Apesar dessa internet ser mais inovadora, ela também exige mais antenas.

Em agosto deste ano, como mostramos por aqui, existia a expectativa da conexão chegar em setembro. A região até confirmou que famílias de baixa renda iriam receber um kit de antena parabólica digital com a implementação. Isso também foi adiado, pois não faria sentido realizar todas as mudanças antes da chegada da 5G. No entanto, é uma pequena mostra do impacto que essa inovação vai trazer.

Mais espaço para o digital

Pelo lado das pessoas, a internet 5G promete causar impacto de diferentes maneiras, seja na educação ou até mesmo no entretenimento. Uma internet móvel de qualidade vai abrir um grande potencial de consumo, inclusive em tempos onde o trabalho e a educação à distância ganham maior protagonismo. Moradores de Cuiabá vão conseguir, por exemplo, acompanhar cursos na internet pelo celular, podendo assistir aulas no caminho da casa para o trabalho.

Além disso, no entretenimento, será cada vez mais comum o uso de dispositivos móveis para se divertir. Os serviços de streaming sabem desse potencial, e vão investir ainda mais nas pessoas que assistem filmes e séries no smartphone. As apostas online também vão continuar crescendo, seja com os jogos de cassino em versão mobile, como o pôquer, a roleta e os slots, ou até mesmo com as apostas esportivas das principais competições do Brasil e do mundo. Será possível apostar usando um celular, por um aplicativo ou até mesmo por um site adaptado.

A expectativa é de grandes mudanças, pois isso está acontecendo em outras regiões e também em outros países. O 5G é uma realidade para muitas pessoas, e os impactos são quase todos positivos. Essa conexão mais veloz permite que o acesso seja mais rápido, e até mesmo conteúdos em vídeos acabam ficando fáceis de serem consumidos. Em uma época de crescimento do TikTok, essa é a melhor notícia possível.

Planejamento para o futuro

Cuiabá está perto de ter acesso ao mundo da 5G, mas isso não significa que o resto do estado também conseguirá. O planejamento da Anatel é que a expansão dessa nova internet seja concluída apenas em 2026, quando todo o país conseguir ter uma conexão estável. Ou seja, ainda teremos muitos anos de adaptação. As pequenas cidades serão as últimas, justamente por conta de estruturas.

O país não é bem preparado para uma novidade como essa, por isso o tempo é tão largo. A boa notícia é que as inovações estão sempre surgindo, e a espera de 2026 pode não ser necessária. A implementação das torres e antenas, por exemplo, é algo que pode ficar mais rápido nos próximos anos. Esse é um setor importante, e precisa ser prioridade na política.

Os impactos das inovações tecnológicas são altas, e ditam o ritmo da economia mundial. Ou seja, se o Brasil quiser continuar crescendo, será preciso ter 5G não apenas em Cuiabá, mas em todos os cantos do Mato Grosso e do Brasil.



Comente esta notícia