13 de Julho de 2024

VARIEDADES Terça-feira, 14 de Fevereiro de 2023, 06:50 - A | A

4 dicas para evitar o desperdício de alimentos

Por Carolina Montuori Fonte: IG SAÚDE

mulher mercaado

 

Segundo dados divulgados pela ONU (Organização Nações Unidas), o Brasil é o décimo país que mais desperdiça alimentos no mundo: são cerca de 23 toneladas jogadas no lixo anualmente. Devido à incerteza alimentar de mais de 60 milhões de brasileiros (conforme a ONU), reduzir o descarte de alimentos é essencial para combater a fome e preservar o planeta, também considerando que o país voltou ao mapa da fome.

Pensando nisso, Vinícius Alves, CEO da Gooxxy ( greentech pioneira em soluções de recolocação de bens de consumo que seriam descartados pela indústria), lista 4 dicas para ajudar nessa missão. Confira!

1. Planeje a compra de alimentos

O ideal é compartilhar as responsabilidades dessa etapa com, ao menos, alguns dos envolvidos da rotina de casa. Porém, focar essa distribuição em uma pessoa ajuda a ter mais controle no planejamento. Portanto, converse com as pessoas sobre o que gostariam de comer e beber e com quanto cada um pode contribuir. Isso resultará em maior assertividade na escolha dos alimentos. É preciso, também, ir às compras levando uma lista preparada.

2. Calcule a quantidade de alimentos por pessoa

Existem diversos sites de festas que calculam a quantidade de comes e bebes por pessoa, considerando crianças e adultos. Eles também podem filtrar a ocasião, como aniversário, ceia de Natal, casamento etc. Essa medida pode reduzir consideravelmente a quantidade de alimentos desperdiçados.

3. Utilize marcas nacionais

Quando falamos em desperdício, não podemos deixar de mencionar o voltado ao dinheiro. Muitas vezes, substituir marcas importadas por nacionais pode impactar consideravelmente os gastos. Ademais, existem diversos produtos no varejo – produzidos por grandes marcas – que, por não atenderem aos padrões estéticos da empresa, não podem ser comercializados pela própria. Esses itens saem das indústrias e são recolocados em outros estabelecimentos, sem a embalagem ou a etiqueta da marca que os produziram, por um valor muito menor.

4. Preste atenção ao armazenamento

Fique atento às datas de validade dos produtos e ao modo de armazená-los, principalmente as frutas, as verduras e os legumes. Quando se trata desses itens, comprar quantidades exageradas pode ser o caminho certeiro para o desperdício.

Por Carolina Montuori

Fonte: IG SAÚDE



Comente esta notícia