21 de Julho de 2024

SAUDE Terça-feira, 04 de Julho de 2023, 17:29 - A | A

ENTREVISTA / INIMIGO OCULTO

“Silenciosa e devastadora, diabetes tipo 2 é a mais perigosa”, alerta endocrinologista; Veja vídeo

A doença é autoimune, porém se for identificada no início, o paciente pode conviver bem com a diabetes

ANA MARIA FERREIRA REPÓRTER MT

medica

 endocrinologista Cláudia Mariane

Um dos grandes desafios para o tratamento da diabetes é o diagnóstico. Esse retardo pode, com o passar do tempo, elevar o grau de agravamento da doença. Cerca de 45% dos casos são pouco sintomáticos e atrasam a identificação dessa patologia.

A diabetes 2 é o tipo mais comum, afetando cerca de 90% das pessoas e frequentemente, na maioria das vezes, esse tipo está relacionado a maus hábitos alimentares.

Embora a diabetes não tenha cura, a doença pode ser totalmente controlada através do tratamento adequado e de outros cuidados que o paciente deve seguir como a prática de atividade física e alimentação saudável.

Em entrevista ao Repórter MT, a endocrinologista Cláudia Mariane destacou o perigo de cada tipo de diabetes e apontou os primeiros sinais da doença. 

Veja um trecho da entrevista aqui: 

 

 


Comente esta notícia