20 de Julho de 2024

SAUDE Segunda-feira, 17 de Julho de 2023, 11:20 - A | A

POLTRONAS PERFURADAS

Mendes confirma inquérito para identificar autores de vandalismos na UPA Leblon

Interventora da Saúde de Cuiabá disse que estofados foram danificados com chave de fenda e paredes-recém pintadas foram sujas

CAMILA RIBEIRO - HNT

upa lebron

 

O governador Mauro Mendes (União Brasil) afirmou ao HNT que foi instaurado inquérito para investigar atos de vandalismo na UPA Leblon, entregue pelo Gabinete de Interevenção na última semana, em Cuiabá. De acordo com o chefe do Paiaguás, as forças policiais trabalham para identificar e punir os responsáveis por perfurar parte das poltronas e sujar paredes recém-pintadas na unidade de saúde.

É lamentável. Existem investigações em curso pela polícia, que é responsável por fazer isso. Espero que seja localizado quem fez e que receba a punição exemplar para que isso não ocorra mais”, falou Mendes à reportagem.

A interventora da Saúde de Cuiabá, Danielle Carmona, disse que os infratores utilizaram uma chave de fenda para danificar os estofados. “Colocamos as poltronas, deixamos já montadas, saímos daqui à noite e, no dia seguinte, bem cedinho, as poltronas estavam perfuradas com uma chave de fenda. São móveis e equipamentos novos que a gente precisou mandar reformar”, lembrou Carmona.

Para a gestora, foi uma tentativa clara de “boicotar” a intervenção. “Os atos mesmo de vandalismo foram feitos para que não inaugurássemos a unidade”, observou.

Após os episódios, Danielle mudou seu gabinete para a UPA Leblon e passou a acompanhar a obra e treinamento da equipe mais de perto.

“Tem três semanas que transferi meu gabinete para cá. Eu despacho daqui. Chego 8 horas da manhã, saio 8 horas da noite, acompanho todo o trabalho de toda equipe, motivando todos”, explicou a interventora.

ATENDIMENTO 24 HORAS

A expectativa é de que a UPA atenda cerca de 200 mil pessoas de mais de 44 bairros. A unidade está equipada com quatro consultórios clínicos para adultos, dois consultórios pediátricos, sala de odontologia, medicação, duas salas de classificação de risco, seis leitos de atendimento de urgência e emergência e mais 16 leitos de internação. Além disso, serão oferecidos exames de coleta de sangue, eletrocardiograma e raio-x.



Comente esta notícia