20 de Julho de 2024

POLÍCIA Quinta-feira, 10 de Fevereiro de 2022, 14:34 - A | A

SUSPEITA DE SER INTENCIONAL

Veículo foge depois de atropelar grupo de ciclistas em alta velocidade

Quando carro se aproximou se jogou em cima dos ciclistas e ainda tentou atropelar outros

MÁRCIA TOMAZ - HNT

imageUm grupo de ciclista foi atropelado por um veículo em alta velocidade, que fugiu em seguida sem prestar socorro. As vítimas tiveram ferimentos leves e as bicicletas ficaram danificadas. O caso aconteceu na noite de terça-feira (8), na Rodovia Palmiro Paes de Barros, que liga Cuiabá a Santo Antônio de Leverger. A suspeita é de que o atropelamento tenha sito intencional.

O grupo 'Pedal 3363' trafegava na rodovia sentido Santo Antônio, quando um veículo em alta velocidade se aproximou se jogando em cima dos ciclistas. Em seguida, fugiu do local sem prestar socorro.

Três pessoas foram atingidas e tiveram ferimentos, uma delas chegou a fraturar o punho quando caiu no chão.

A líder do grupo, Danielle Castro, contou ao HNT que não foi um acidente, que o atropelamento foi proposital. Seguindo ela, outros integrantes do grupo e um motociclista testemunharam e viram o momento em que o veículo foi para cima dos ciclistas.

“O grupo seguia em fila indiana, um atrás do outro. Ali não tem acostamento na realidade, é um mini acostamento onde eles andavam, os últimos dois ciclistas que vinham atrás e um motociclista viram tudo. De fato, o veículo se jogou de propósito em cima dos colegas ciclistas, depois, tentou atropelar uma outra colega que seguia mais frente longe do grupo”, conta Danielle.

 

DELEGACIA DE TRÂNSITO

A líder do grupo afirmou que tentou registrar um boletim de ocorrência, mas na Delegacia de Delitos de Trânsito da Capital, foi informada pelo delegado que sem a placa do veículo não era possível lavrar a ocorrência.

"Tentamos registrar um boletim de ocorrência, mas o delegado disse que sem a placa do veículo não era possivél. Mas, foi tudo tão rápido que ninguém pegou placa", conta Danielle.

Diante da informação, o grupo recorreu à Federação Mato-grossense de Ciclismo, para buscar amparo e apoio. A instituição, junto aos grupos de ciclistas, está organizando uma manifestação popular por meio de pedal de Cuiabá a Santo Antônio para chamar atenção da população quanto ao respeito aos ciclistas na ruas.

A falta de ciclovias nas rodovias também é uma luta dos ciclistas que vem se arrastando há anos.

“Há anos a gente pede ciclovia na rodovia de Santo Antônio, que é uma rota dos ciclistas, tem várias vias que gente solicita isso, mas até hoje a gente não foi atendido. A gente tem Lei de trânsito que nos acolhe e a gente faz questão, nos grupos de cobrar que todos andem devidamente paramentados e que sigma as normas de trânsito. A gente quer respeito como todo mundo que anda pelo trânsito tem”, finaliza Danielle. 



Comente esta notícia