15 de Julho de 2024

INFRAESTRUTURA E MEIO AMBIENTE Terça-feira, 27 de Junho de 2023, 08:29 - A | A

Obras de duplicação da BR-163 entre Mutum e Posto Gil devem ter início no próximo sábado

Uma comitiva do governador Mauro Mendes estará em Nova Mutum neste final de semana

Leiagora

Prefeito nova mutum

 O prefeito de Nova Mutum (242 km de Cuiabá) Leandro Félix (União)

O prefeito de Nova Mutum (242 km de Cuiabá) Leandro Félix (União) disse estar esperançoso com o início das obras de duplicação da BR-163 entre Mutum e o Posto Gil, em Diamantino (181 km de Cuiabá). Uma comitiva do governador Mauro Mendes (União) estará no município neste final de semana para consagrar o começo das obras.

É um sonho para nós que utilizamos a 163 praticamente toda semana e teremos também todos os problemas que dá nesse trecho e Nova Mutum é um eixo grande da 163 e essa ação do governo do Estado trazendo para si a responsabilidade, vai mudar totalmente a nossa dinâmica de vida no dia a dia e tenho a oportunidade de receber toda a comitiva do governo do Estado a Nova Rota para poder assinar essa ordem de serviço da duplicação ali em Nova Mutum é uma satisfação”, disse o prefeito que completa destacando a visita no próximo sábado (1):

O governador e a equipe técnica foram muito profissionais, muito responsáveis nos critérios de prioridade e nós vamos estar ali dia primeiro na comitiva fazendo uma grande festa e celebrando esse momento tão importante pro Estado de Mato Grosso”, disse o gestor.

O chefe do Executivo Mutuense afirma que o elevado número de acidentes na via, mais conhecida como ‘rodovia da morte’, prejudica também os cofres da cidade, visto que após os acidentes, muitas das vítimas são levadas aos centros de referência do município. 

É a rodovia da morte e ali em Mutum na saúde, nós atendemos praticamente os problemas de emergência, no hospital, grande maioria é vindo da 163 acidentes da 163. E aí o município acaba tendo um custo muito alto na saúde de problemas oriundos da 163”, argumenta o prefeito.

Félix afirma que o prazo para a conclusão da obra nos 86 quilômetros em questão deverão ser concluídos em até dois anos. Mas, dada a celeridade da obra, pode ser que seja antes. 

“O prazo é 24 meses, dois anos para concluir as obras. Desse trecho dos 86 quilômetros. Mas eu acredito que pela dinâmica e a forma como as empresas estão, as obras, maquinários eu acredito que seja antes do tempo”, finaliza.



Comente esta notícia