15 de Julho de 2024

CULTURA Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2024, 14:47 - A | A

Lei de Botelho institui Festival de Música no calendário oficial de MT

Assessoria de Imprensa

botelho e musicos

 

Mato Grosso deu um passo importante à valorização cultural, com a edição da Lei 12.397/24, que inclui no Calendário de Eventos Oficiais, o Festival de Música, de autoria do deputado Eduardo Botelho, presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso – ALMT.

De acordo com Botelho, objetivo é estimular ações e atividades educativas de promoção e divulgação da música e seus benefícios elevando a arte cultural da música, do canto e da dança. Inclui, ainda, o aprimoramento da arte por meio de debates, conferências, seminários, palestras, projeções, concursos, exposições e apresentações.

A ideia é estimular grupos, escolas e a população ao aprimoramento da arte, da cultura, mostrando o grande potencial cultural de Mato Grosso na semana que comemoramos o Dia da Música”, afirma Botelho.

Essas ações deverão contar com a força-tarefa dos Poderes Executivo e Legislativo, através da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer e secretariais municipais de Cultura.

A nova lei determina que o Festival de Música seja realizado, anualmente, em 22 de novembro, Dia do Músico e de Santa Cecília, padroeira dos músicos.

“Essa iniciativa é excelente, pois não tem nada tão grandioso no dia do músico e de Santa Cecília, nossa padroeira. É um dia que precisa ser comemorado, com um grande festival mostrando a nossa cultura, nossa arte e novos talentos que, em sua maioria, não aparece. Essa lei é muito importante para mostrar o trabalho e o potencial de Mato Grosso em todos os ritmos, o regional como o rasqueado, bem como o folclore, a MPB, dentre outros”, afirmou o cantor Roberto Lucialdo.



Comente esta notícia