13 de Julho de 2024

CULTURA Sexta-feira, 18 de Novembro de 2022, 07:19 - A | A

CONSCIÊNCIA NEGRA

Coletivo Negro Universitário da UFMT promove evento alusivo ao dia nesta sexta

Programação contará com roda de conversa, visita guiada à exposição artística, oficina de siriri, mostra, feira e show para evidenciar o protagonismo da população negra e quilombola

Márcia Tomaz - HNT

banner cultura

 

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, o Coletivo Negro Universitário (CNU) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) preparou uma programação especial que será realizada nesta sexta (18), no auditório do Museu de Arte e Cultura Popular (Adufmat) e Hall do Centro Cultural da universidade, a parir das 8h.

Com o tema, “Resistir, existir e ocupar para transformar”, o evento irá celebrar o Dia Nacional da Consciência Negra, dia da morte de Zumbi dos Palmares, em homenagem a essa figura histórica como símbolo de resistência.

A programação contará com roda de conversa, visita guiada à exposição artística, oficina de siriri, mostra, feira e show para evidenciar o protagonismo da população negra e quilombola nos contextos interculturais brasileiros.

O evento é aberto para toda a sociedade, assim como pesquisadores, educadores, estudantes militantes de movimentos sociais e do movimento social negro.

É com alegria que convidamos a todas as pessoas a estarem conosco na nossa celebração do mês da consciência negra na UFMT. A nossa programação é aberta para toda a comunidade interna e externa da universidade e contamos com a divulgação e colaboração das pessoas, pois, para além de combater o racismo, as movimentações políticas deste coletivo é pela valorização e reconhecimento das vidas da juventude negra e quilombola”, pontoua a coordenadora geral do CNUUFMT, Lupita Amorim. 

COLETIVO NEGRO DA UFMT

O Coletivo Negro Universitário da UFMT (CNU), é um Movimento Social Negro atuante no âmbito da academia, cujo espaço político se dá por meio de processos educativos, realizando formação contínua sobre as Relações Étnico-Raciais no Brasil e onde tratamos de assuntos pertinentes a nossa vivência na UFMT.

O CNU surgiu em junho de 2013 a partir de necessidades conjuntas relacionadas às questões raciais e à universidade. Formado por estudantes, técnicos administrativos, docentes desta universidade, bem como por participantes da comunidade externa, tendo como objetivo pautar questões pertinentes às Relações Étnico-Raciais e Políticas de Ação Afirmativa na educação superior.

"Temos procurado e conseguido assento permanente em espaços de decisões e viabilizações de ações afirmativas na UFMT, bem como, participado junto à sociedade civil de discussões que envolvem a temática e ações do estado, como vacina para todas as pessoas, implementação efetiva das Leis Federais nº 10.639/03 e nº 11.645/08 entre outras", declara Lupita.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:

8h - Auditório ADUFMAT 

Roda de conversa sobre vivências quilombolas na UFMT - PROINQ (Programa de Inclusão Quilombola) Mediação: Profa. Dra. Zizele Ferreira dos Santos

Cerimonial: Maria Clara Bertúlio

Apresentação musical: Carlos Soares

Participantes:

Tatielly Emanueli da Silva (Comunidade Quilombola Nossa Senhora Aparecida do Chumbo, Poconé - MT)
Max Brenner Rodrigues (Comunidade Quilombola Nossa Senhora Aparecida do Chumbo, Poconé - MT)
Keneo Silva Coelho (Comunidade Quilombola Bela Cor, Vila Bela da Santíssima Trindade - MT)

10h30 - Museu de Arte e Cultura Popular - MACP 

Visita guiada com artistas negras e negros da Exposição “À Flor da Pele: Arte Negra no Museu” no MACP/UFMT.

Artsistas - Gervane de Paula, Elaine Fogaça, Rodolfo Luiz e Babu78

Apresentação musical: Hermínio Nhamtumbo

14h - Hall do Centro Cultural da UFMT

Oficinas de danças afro-brasileiras e quilombolas - Siriri Ministrantes: Tatielly Emanueli, Flávia Cristine, Watila Fernando

14h - Estacionamento do Centro Cultural da UFMT

Mostra e feira de artesanatos, arte e culinária de juventudes negras e quilombolas Lubaya Acessórios
Iron Skin
Adham Mob Ilustrador
Bolos da Ari
Hulda Biscoitos

18h - Estacionamento do Centro Cultural da UFMT

Apresentações culturais, poéticas, Shows e Roda de Samba.

Raízes do Samba
Deize Aguena
Gê Lacerda
Sharamandaya Kess
Dowgueto
Gutoo
Anna Maria Moura
Maria Clara Bertúlio



Comente esta notícia