19 de Julho de 2024

CIDADES Sexta-feira, 21 de Julho de 2023, 13:39 - A | A

PRIMEIRA ETAPA

Reinauguração do Mercado do Porto é prestigiada por milhares de pessoas nesta sexta

Projeto recebeu investimentos de até R$ 12 milhões, segundo secretário Francisco Vuolo; patrimônio histórico, artístico e cultural imaterial, o “novo mercado” passará a contar com 187 novos espaços comerciais que irão atender aos permissionários

AMANDA GARCIA/VINÍCIUS REIS - HNT

inauguracao mercado munic cba

 

A entrega da primeira etapa da obra de revitalização do Mercado do Porto, ocorrida na manhã desta sexta-feira (21), foi marcada por uma grande movimentação de pessoas, entre clientes, autoridades públicas e profissionais de imprensa, que foram conferir as novas instalações de um dos maiores cartões postais da Capital.

Patrimônio histórico, artístico e cultural imaterial, o “novo mercado” passará a contar com 187 novos espaços comerciais que irão atender exclusivamente aos permissionários que já atuavam na antiga estrutura. 

O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico de Cuiabá, Francisco Vuolo, afirmou, na ocasião, que foram aplicados no espaço entre R$ 10 mi e 12 milhões, advindos de recursos da 'Fonte 100'. Esta fonte abarca os recursos que não têm vinculação específica, podendo ser empregados livremente pelo Poder Executivo. 

Nesta primeira fase, a Prefeitura entregou 54 boxes definitivos. As demais instalações funcionarão de maneira provisória, até a conclusão da segunda etapa do projeto, em 16 tendas instaladas, cada uma de 10x10.  A próxima fase de entrega do Mercado do Porto também foi comentada por Francisco Vuolo.

No equipamento, já existe uma infraestrutura montada. Serão feitas apenas adequações [...] Os recursos já tem parte alocada, as outras partes já estão definidas em orçamento e nós acreditamos, dentro do que estamos planejando, que entregamos no ano que vem. Não tem sentido entregar só este prédio agora e encerrar a gestão sem entregar outro”, explicou o secretário.

Em contato com a imprensa, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) esclareceu que as obras receberam recursos federais, mas que a maior parte dos investimentos foi feita por parte do Poder Público municipal. Espera-se que, com a revitalização do espaço, ele passe a receber 240 mil pessoas, o dobro do que atualmente é registrado.

São mais de 1.200 empregos diretos e indiretos que a ampliação, que a requalificação do Mercado do Porto está oferecendo para Cuiabá. Isso já é uma quebra de paradigma, já é um avanço muito grande, que impulsiona a nossa economia”, complementou Pinheiro.

Questionado a respeito do Aquário Municipal, o prefeito declarou que está aguardando a resposta do presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT), Júnior da Verdão, com quem já vinha estabelecendo uma parceria sobre este assunto e a recuperação do piso da Orla do Porto I.

Então, caso a Fecomércio não tenha interesse, aí nós estamos abertos a conversar com o governador, conversar com o Estado ou com qualquer outra instituição pública ou privada que queira assumir o Aquário Municipal e a recuperação do piso da Orla do Porto I”, disse o chefe do Executivo municipal. 



Comente esta notícia