23 de Julho de 2024

CIDADES Terça-feira, 29 de Novembro de 2022, 14:32 - A | A

Edital de concessão que prevê investimentos de R$ 18 milhões no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães é lançado

Da Redação - O Documento

cachoeria veu de noiva

 

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (IMCBio) lançou o edital para concessão da operação e manutenção do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá. O valor total do contrato é de cerca de R$ 58 milhões e são esperados R$ 18 milhões em investimentos.

Os interessados têm até o dia 2 dezembro para agendar visitas técnicas à unidade. O edital foi lançado na quarta-feira (24) e a empresa vencedora atuará por 30 anos na prestação de serviços públicos de apoio à visitação, revitalização, modernização, operação e manutenção do local.

Segundo estudos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Ministério do Turismo realizados pelo Consórcio Carcará Parques Brasileiros, espera-se, ao longo do período de concessão, aplicação de R$ 200 milhões em operação e gestão e R$ 18 milhões em investimentos em áreas como o Morro de São Jerônimo, a Cachoeira Véu de Noiva, a Cidade de Pedra, além da implementação de novos pontos turísticos.

Os estudos ainda estimam a aplicação de R$ 200 milhões em operação e gestão da unidade. A sessão pública de recebimento dos envelopes contendo as propostas será realizada no dia 12 de dezembro.

Entre os dias 27 de outubro a 2 de dezembro, os interessados poderão agendar visitas técnicas à unidade para melhor compreender os desafios e oportunidades.

A unidade de conservação foi qualificada no Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República para fins da concessão para prestação de serviços de apoio à visitação pelo Decreto nº 10.673, de 13 de abril de 2021.

O parque

Criado em 1989, o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães possui 32.630 hectares de área para assegurar e proteger amostras significativas dos ecossistemas locais, além de espécies nativas do Cerrado, inclusive ameaçadas de extinção.

O parque abriga paisagens únicas e abriga sítios arqueológicos que ajudam a contar o povoamento da região. Em 2000, foi declarado como Reserva da Biosfera do Pantanal.

Em 2019, recebeu mais de 180 mil visitantes, figurando dentre os parques nacionais mais visitados do país.



Comente esta notícia