15 de Julho de 2024

AGROECONOMIA Quarta-feira, 19 de Abril de 2023, 15:34 - A | A

PRINCIPAL RODOVIA

BR-163: Governo de MT autoriza repasse de R$ 440 mi para quitar dívidas com bancos

CANAL RURAL

br q63

 

O Governo de Mato Grosso autorizou nesta terça-feira (18) o repasse de R$ 440 milhões para a MT Participações e Projetos S/A (MTPAR) realizar a transição dos recursos para quitar a dívida com os bancos credores da Concessionária Rota do Oeste, que detém a concessão de aproximadamente 850 quilômetros da BR-163. O anúncio foi feito pelo governador Mauro Mendes (União Brasil) durante a abertura da feira Norte Show, em Sinop.

Caixa Econômica aprova troca de controle da BR-163, anuncia Mauro Mendes
De acordo com o chefe do Poder Executivo mato-grossense, a autorização do repasse do recurso para a MT PAR foi dada ao secretário de Fazenda de Mato Grosso, Rogério Gallo.

Então, todos os passos dependem do TCU. E, daqui a poucos dias nós teremos, então, o início definitivo das obras”, disse Mendes.

A dívida da Concessionária Rota do Oeste que está sendo renegociada pelo governo do estado com os bancos credores é na ordem de R$ 920 milhões.

Licitação de obras já ocorre
Mauro Mendes destacou que mesmo Mato Grosso não tendo assumido o controle societário da Concessionária Rota do Oeste, o estado já realiza a licitação de “requalificação” de 100% do trecho entre o Posto Gil e Nova Mutum.

Ele lembrou que há exatamente um ano o Governo de Mato Grosso iniciou os diálogos com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e o Ministério de Infraestrutura para que pudesse assumir a concessão da BR-163.

Fizemos uma longa peregrinação para vencer todo o tipo de dificuldade e ainda temos alguns percalços. Mas, seguimos com a mesma persistência, a mesma coragem que é a mesma de todos os mato-grossenses que enfrentaram todo o dia de dificuldade para construir aqui essa potência agrícola mundial. Nós vamos manter a mesma perseverança e ao final espero daqui uma semana, duas, três, não importa, nós vamos assinar o contrato e assumir essa 163”, declarou.

 

Mauro Mendes frisou ainda que o próximo trecho a ser licitado é o da travessia urbana de Sinop, considerado uma das prioridades entre o plano emergencial.

O próximo trecho a ser contratado é exatamente essa travessia urbana aqui na cidade de Sinop e eu sei o quanto isso tem sido um transtorno para todos”, disse o governador.

Transferência para Governo de MT é um impasse sem fim
O TCU deu aval ao governo de Mato Grosso, por meio da MT Par, assumir a concessão da BR-163 no dia 28 de setembro de 2022. E, em 4 de outubro, em Cuiabá, foi realizada a assinatura do TAC entre a ANTT e a Concessionária Rota do Oeste.

O governo de Mato Grosso revelou, ao receber aval para assumir a concessão, prever iniciar as primeiras obras para a duplicação da BR-163 ainda no primeiro semestre do ano. A proposta apresentada pelo Governo prevê que nos próximos dois anos será investido R$ 1,2 bilhão, de recursos próprios, para a conclusão das obras no trecho mato-grossense da BR-163.

Logística e armazenagem podem travar produção de Mato Grosso no curto prazo
No dia 2 de fevereiro a ANTT concedeu para a Concessionária Rota do Oeste e o governo de Mato Grosso prazo de 60 dias para concluir o acordo de transferência acionário da BR-163.

O prazo de concedido pela ANTT para a conclusão do acordo de transferência acionário da BR-163 encerrou no começo de abril. Alguns dias antes, no dia 31 de março, o Governo de Mato Grosso obteve a aprovação da Caixa Econômica Federal para a troca do controle acionário da BR-163. O banco federal era o último que ainda não havia dado resposta.

Dos 850,9 quilômetros de rodovia entre a divisa com o Mato Grosso do Sul e Sinop, a Concessionária Rota do Oeste, que detinha o controle da BR-163 desde 2013, se comprometeu em duplicar 450 quilômetros de estrada. Entretanto, apenas 120 quilômetros foram entregues.

A BR-163, principal rota de escoamento da produção agropecuária de Mato Grosso, é conhecida nacionalmente como a “Rodovia da Morte”, diante do grande número de acidentes que ocorrem diariamente no trecho.



Comente esta notícia